Descubra como é comemorado o Ano Novo ao redor do mundo!

31 . dezembro . 2016

Hey pessoal! Tudo bem? Espero que sim, sim e sim! rs

Como alguns já sabem, eu amo o ano novo. Amo porque, pois mais simbólico que a data possa parecer, ele sempre me dá a sensação de renovação, de que agora vai ser diferente, que eu tenho uma nova chance e uma coragem infinita para realizar algo em que o ano anterior não “permitiu”. Nossa! Tô filosofando, arghh! kkk

Mas, além disso tudo, esta pode ser uma data cheia de curiosidades

 

Suíça – Os suíços deixam cair um pouco de sorvete no chão para celebrar o ano novo.

Estados Unidos e Europa – É tradição beijar alguém debaixo de um ramo de visco, uma planta comum na Europa e América do Norte na noite de ano novo.

bonesbeijoembaixodovisco

Canadá – Os canadenses mergulham em rios geladíssimos no dia 1º de Janeiro em troca da promessa de amigos e parentes.

Filipinas – Lá é costume usar roupas com bolinhas e comer coisas redondas na noite de ano novo. Os filipinos acreditam que círculos são símbolos de prosperidade.

Peru – Existe uma tradição andina chamada festival Takanakuy. Lá, no final de Dezembro, desafetos se encontram para brigar, assim vão começar o ano sem desavenças.

China – Os chineses fazem uma grande faxina em casa alguns dias antes da virada do ano e também decoram a casa com coisas vermelhas.

faxina-chinesa

Japão – O primeiro sonho do ano é muito importante para os japoneses. Se eles sonharem com o Monte Fuji, duas águias ou três berinjelas acreditam que será um ano de muita sorte. (Berinjelas? Tem nada melhor pra sonhar não?!)

País de Gales – Os galenses tentam pagar suas dívidas ate o último dia do ano. Acreditam que entrar no ano novo com dívidas significa passar o ano inteiro no vermelho. (Faz todo o sentido.)

Espanha – Os espanhóis comem 12 uvas a meia noite do ano novo, uma uva para cada badalada, simbolizando sorte para os próximos 12 meses. Yummy!

Venezuela – Dar uma volta no quarteirão segurando uma mala vazia na noite de ano novo significa um ano cheio de viagens para os venezuelanos. Aí eu vi vantagem,… acho que vou fazer isso por aqui, vai que dá certo!

Alemanha – As casas alemãs ficam decoradas com porquinhos de chocolate e marzipã (é um doce preparado a partir de uma pasta feita de amêndoas moídas, açúcar e claras de ovos, a receita está aqui.) Por lá, os porcos são considerados animais que trazem sorte e fartura.

Brasil 😉 – Roupas brancas são usadas na noite de ano novo. Também é costume as pessoas irem para a praia e pularem sete ondinhas, fazendo um pedido a cada pulinho.

Colômbia – Nesse país acontece algo como a malhação de judas no Brasil, só que no fim do ano.Um boneco de pano simbolizando alguém não muito popular sofre nas mãos de uma multidão na rua.

Escócia – O ano novo escocês se chama Hogmanay,  que é o nome de um biscoito de aveia  oferecido para as crianças nesse dia.

Camboja – Crianças e adolescentes lavam os pés dos pais e avós simbolizando respeito aos antepassados e recebendo bênçãos em troca.

Dinamarca – Lá é costume quebrar pratos na porta da casa dos seus amigos, na noite de ano novo.

Equador – Os equatorianos queimam fotos e imagens de coisas que não querem levar adiante no novo ano, em uma fogueira que simboliza o desapego. Gostei!

Mas ainda existem os lugares onde o ano novo é comemorado em outras datas. Em 2016, por exemplo, essas foram as datas para a virada:

na China: 13 de fevereiro;

em Israel: 03 de outubro; Rosh Hashana

na India: São diferentes em cada região devido a contagem das datas, portanto, 1º de março (sul da Índia), 1º de outubro (leste e no centro indiano) e 14 de abril (comunidade tâmil)

 E o ano novo virou o dia da mentira…

..Antigamente, na França, o ano novo era comemorado do dia 25 de março durando até o dia 1º de abril. Em 1564, o Papa Gregório XIII instituiu um novo calendário, transferindo a data para 1º de Janeiro, porém,  a população francesa ignorou a nova data e manteve a data original. Com o passar do tempo, o novo calendário tornou-se oficial e as pessoas pregavam peças naqueles que ainda se apegavam a data antiga (chamando para festas que não existiam, dando presentes estranhos…), chamando os de “bobos de Abril”.

Esse costume foi, em seguida, para Inglaterra e, depois, se espalhou para o resto do mundo, sendo conhecido como o dia da mentira. Hum, muito interessante, agora sei porque existe o dia da mentira!

Então, mais 1 aninho chegando ao fim, e nós aqui, juntos, misturados, firmes e fortes. Super agradeço por você estar junto comigo, principalmente lendo este post. Eu quero te desejar muita paz, amor, saúde, felicidades e prosperidade $$$. Além de um ano novo à moda Venezuelana recheado de muitas viagens! E não é mentira! hahaha

Se tiver algum assunto que você quer que eu aborde em 2017, me deixe saber nos comentários abaixo.

Se você é novo por aqui, seja-bem vindo e fique à vontade para me adicionar em todas as redes sociais, é muito importante para mim:

Instagram: blushviajante
https://www.youtube.com/user/BlushViajante
https://www.facebook.com/blushviajante
S
nap: BlushViajante

  FELIZ 2017!



Deixar um comentário

Newsletter

Fique por dentro das novidades do blog! Assine abaixo e receba as atualizações direto no seu e-mail!

Blush Viajante - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017