TAG: Responde Aí

01 . novembro . 2016

Hey pessoal!

Tudo bem?

Hoje eu vim, responder uma TAG, já faz um tempinho que não respondo, então, lá vai…

A Tag Responde Aí foi criada pela Bianca torres do Blog Cílios de Boneca. Pra responder a Tag vou marcar o Davidson, do Canal do Tarquino. As perguntas estão abaixo, e as respostas no vídeo.

 


1- Qual o seu nome  ?
2- Que dia/mês/ano você nasceu?
3- Em qual cidade você mora? 
4- Você é Preguiçosa? 
5- Pratica Exercícios ? Quais?
6- O que você faz quando não está gravando vídeos e editando posts? 
7- O que te levou a começar a gravar os vídeos?
Resposta neste vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=ONWpNAY1MyM01
8- Qual cor do esmalte que você coloca nas unhas e se senti confiante? 
9- Bubbaloo ou Trident? 
10- Conte uma história engraçada da sua infância.
11- Qual sua reação quando está nervosa ou ansiosa?
12- O que não pode faltar na hora de sair?
13- Perfume do momento.
14- 3 Blogs que acompanho sempre.
15- Uma marca baratinha de maquiagem para indicar.
16- EOS ou Baby Lips?
17- Qual a melhor parte de ser blogueira?
18- Indique um Batom para arrasar.
19- Qual música te anima na hora de se arrumar? 

Se anima aí, e responde também! Não esquece de me marcar! Um bitoca!

Dez curiosidades sobre o Halloween

31 . outubro . 2016

Hey pessoal!

Tudo bem?

Outubro é o segundo mês de maior faturamento do comércio irlandês e você sabe por quê?

Por causa do “Halloween”!

O E-Dublin fez uma matéria top, que eu trouxe para vocês logo abaixo:

O famoso, arrepiante e mais assombrado evento da Ilha Esmeralda só perde para o Natal. E há boas explicações para isso. Dê uma olhada nessas 10 curiosidades sobre o Halloween e entenda melhor essa história e o que tudo isso tem a ver com a Irlanda.

Foto: Stampa

Foto: Stampa

1. Acredite ou não, o Halloween é Irish!

Muito esclarecedor, não?

A celebração é uma tradição dos antigos celtas e inicialmente comemorava o festival de Samhain, palavra que está bem longe de significar qualquer maldição: é simplesmente o marco do fim do verão. O evento também festejava o final da terceira e última colheita do ano, o início do armazenamento de provisões para o inverno, o retorno dos rebanhos para o pasto e a renovação das leis celtas.

2. Desvendando a palavra

Na realidade, Halloween é o “fast mode” da expressão “All Hallows’s Eve”, que significa “noite de todos os santos”.

3. Por que esta data?

Existem várias teorias que explicam a comemoração do Halloween em 31 de outubro. Uns dizem que esse é um dos dias de descanso das bruxas no calendário celta, outros dizem que é o tempo da morte e ressurreição da terra.

4. De celebração celta a Dia das Bruxas

Roma até chegou a celebrar o Halloween algumas vezes antes de Cristo, mas depois a festa foi intitulada como pagã e proibida pela Igreja Católica, que apelidou a celebração como Dia das Bruxas.

5. E o gato preto, onde entra?

Foto: Wikia

Foto: Wikia

O coitadinho do gato ganhou má fama em antigas lendas. Essas afirmavam que as bruxas se transformavam no bichano em versão “black” e, para ajudar, algumas pessoas acreditavam que os gatos eram os espíritos dos mortos. Mas nem tudo está perdido. Hoje o gato preto é símbolo da capacidade de meditação, recolhimento espiritual, autoconfiança, independência e liberdade.

6. Caldeirão, aranhas e morcegos: afinal, pra que tudo isso?

Há quem acredite em significados ocultos para os itens do Halloween.

A vela indica os caminhos para os espíritos.

O caldeirão faz parte da cultura celta e era peça fundamental na decoração. Dentro dele jogam-se moedas acompanhadas de mensagens com pedidos aos espíritos. Ao final da festa, essas moedas devem ser recolhidas e doadas a quem precisa. Já os bilhetes devem ser queimados para que os pedidos sejam atendidos mais rapidamente.

A aranha simboliza o destino. O meio da teia representa o suporte para seguir em frente.

O morcego simboliza a clarividência, pois o animal capta os campos magnéticos pela força da própria sensibilidade e energia, enxergando além das formas e das aparências.

7. Paleta de cores exuberantes

As cores laranja, preto e roxo não foram escolhidas por acaso para representar a festa.

Laranja: cor que traz vitalidade, energia e força. Os celtas acreditavam que os espíritos se aproximavam daqueles que se vestiam de laranja para sugar-lhes a energia.

Preto: cor predominante dos magos, bruxas, feiticeiras e sacerdotes do mestre das trevas.

Roxo: simboliza a magia presente em toda a comemoração de Halloween.

8. As abóboras assombradas

Foto: HP

Foto: HP

Quando se fala em Halloween, a primeira imagem que vem à cabeça é uma abóbora esculpida e iluminada. Essa famosa referência é conhecida como “Jack O’Lantern”.

Segundo o folclore irlandês, um alcoólatra mal educado chamado Jack Miserable bebeu excessivamente em um dia 31 de outubro e o diabo veio buscar sua alma. Jack enganou o diabo para continuar bebendo e viveu por mais alguns anos. Quando morreu, não foi admitido no céu. Ressentido, o diabo também não o quis no inferno e o enviou para a noite escura com apenas uma brasa de carvão para iluminar o caminho. Jack colocou o carvão em um nabo esculpido que funcionava como uma lanterna e dizem que ele vaga pela Terra desde então.

Com o tempo, as pessoas criaram diferentes versões da Jack O’Lantern, esculpindo rostos assustadores em nabos, batatas e abóboras para afugentar Jack e outros espíritos malignos.

9. Outros nomes, mesmo significado

A festa de Halloween equivale ao “Dia de Todos os Santos” e ao “Dia de Finados”. A celebração foi absorvida pela Igreja Católica para apagar os vínculos pagãos. Nos países de origem hispânica, comemora-se o Dia dos Mortos na mesma data. No Oriente, a tradição é ligada às crenças populares de cada país.

10. E o “trick or treat”, advinha? IRISH!

Pois é, a famosa pergunta “gostosuras ou travessuras?” também se originou na Irlanda. Para celebrar a data, as crianças celtas iam de casa em casa vestindo roupas extravagantes e pedindo provisões para as comemorações de Halloween em nome da deusa Muck Olla. Os celtas acreditavam que o único modo de apaziguar os espíritos do mal era oferecer comida para ela. Quem se recusava a ajudar sofria com as “travessuras” da deusa. Já hoje, quem aplica o castigo são as próprias crianças.

Muito legal, não?!

Espero que tenham gostado.  E se você tem alguma gesta para ir, não pode deixar de dar uma conferida nos tutoriais baphônicos da Luana do Blog Flor de Mulher, dá só uma olhada:

makehalloween

Uma bitoca!

 

Como é a Páscoa pelo mundo?

24 . março . 2016

Hey pessoal!

Tudo bem?

A comemoração da Páscoa pelo mundo todo possuem variações quanto as suas origens e significados. Eis alguns deles…

– Na China
O “Ching-Ming” é uma festividade que ocorre na mesma época da Páscoa, onde são visitados os túmulos dos ancestrais e feitas oferendas, em forma de refeições e doces, para deixá-los satisfeitos com os seus descendentes.

– Na Europa
As origens da Páscoa remontam a bem longe, aos antigos rituais pagãos do início da primavera (que no Hemisfério Norte inicia em março). Nestes lugares, as tradições de Páscoa incluem a decoração de ovos cozidos e as brincadeiras com os ovos de Páscoa como, por exemplo, rolá-los ladeira abaixo, onde será vencedor aquele ovo que rolar mais longe sem quebrar.

IMG_5371

– Nos países da Europa Oriental, como Ucrânia, Estônia, Lituânia e Rússia
A tradição mais forte é a decoração de ovos com os quais serão presenteados amigos e parentes. A tradição diz que, se as crianças forem bem comportadas na noite anterior ao domingo de Páscoa e deixarem um boné de tecido num lugar escondido, o coelho deixará doces e ovos coloridos nesses “ninhos”.

– Nos Estados Unidos
A brincadeira mais tradicional ainda é a “caça ao ovo”, onde ovos de chocolate são escondidos pelo quintal ou pela casa para serem descobertos pelas crianças na manhã de Páscoa. Em algumas cidades a “caça ao ovo” é um evento da comunidade e é usada uma praça pública para esconder os ovinhos.

– No Brasil e América Latina
O mais comum é as crianças montarem seus próprios ninhos de Páscoa, sejam de vime, madeira ou papelão, e enchê-los de palha ou papel picado. Os ninhos são deixados para o coelhinho colocar doces e ovinhos na madrugada de Páscoa. A “caça ao ovo” ou “caça ao cestinho” também é utilizada, fazendo-se pegadas de coelho com farinha de trigo, para que os menores descubram onde está escondido o ovo.

Ai, como era bom ser criança…

Mas, o que tem a ver coelho com ovos, seus símbolos, com a ressurreição de Jesus ou a fuga dos hebreus do Egito comandada por Moisés? Agora sei qual a relação de tudo isto. Os ovos são o símbolo do nascimento. Ali dentro, uma vida por vir ao mundo.

É o eterno milagre da vida que renasce todos os dias. O coelho é o animal que se reproduz com uma velocidade estonteante, é uma ode à família, uma declaração de amor que a natureza faz todos dias.

Renascer é nascer, somos nós mesmos que renascemos nos nossos filhos, é a vida que se pereniza na prole. A fuga dos hebreus é o fim da escravidão de um povo. A escravidão equivale à morte, escravizar equivale a tirar a vontade e a alma de alguém, equivale a tirar sua vida.

Se libertar da escravidão é viver de novo, é renascer, é estar sempre começando tudo de novo.
Por fim, Jesus é a ressurreição. Quer prova mais clara do que digo? Este eterno milagre que nos encanta é o milagre da vida que a Páscoa nos relembra.

Por fim, desejo que a data dessa passagem sagrada seja repleta de paz e harmonia e que os povos esqueçam a guerra e vivam em confraternização!
Que o coelhinho te traga muito mais que simples ovos de chocolate. Que ele te traga muita saúde, amor, felicidade, compreensão e carinho. Que você seja abençoado, por aquele que nos deu sua vida.

Uma Feliz Páscoa e uma bitoca!

IMG_5374

Ah! O Ano Novo…

30 . dezembro . 2015

Hey meus tchutchucos e tchutchucas lindos! (Tô animada!) 🙂

O ano novo para mim é a melhor data comemorativa – depois do meu aniversário, é claro!

Mas é muito intrigante a forma como ele é comemorado em cada canto deste mundo. Ficou curioso? Dá só uma olhada!

Filipinas – Lá é costume usar roupas com bolinhas e comer coisas redondas na noite de ano novo. Os filipinos acreditam que círculos são símbolos de prosperidade.

Peru – Existe uma tradição andina chamada festival Takanakuy. Lá, no final de Dezembro, desafetos se encontram para brigar, assim vão começar o ano sem desavenças.

Estados Unidos e Europa – É tradição beijar alguém debaixo de um ramo de visco, uma planta comum na Europa e América do Norte na noite de ano novo.

Canadá – Os canadenses mergulham em rios geladíssimos no dia 1º de Janeiro em troca da promessa de amigos e parentes.

China – Os chineses fazem uma grande faxina em casa alguns dias antes da virada do ano e também decoram a casa com coisas vermelhas.

Suíça – Os suíços deixam cair um pouco de sorvete no chão para celebrar o ano novo.

Japão – O primeiro sonho do ano é muito importante para os japoneses. Se eles sonharem com o Monte Fuji, duas águias ou três berinjelas acreditam que será um ano de muita sorte. (Berinjelas? Tem nada melhor pra sonhar não?!)

País de Gales – Os galenses tentam pagar suas dívidas ate o último dia do ano. Acreditam que entrar no ano novo com dívidas significa passar o ano inteiro no vermelho. (Faz todo o sentido.)

Espanha – Os espanhóis comem 12 uvas a meia noite do ano novo, uma uva para cada badalada, simbolizando sorte para os próximos 12 meses. Yummy!

Venezuela – Dar uma volta no quarteirão segurando uma mala vazia na noite de ano novo significa um ano cheio de viagens para os venezuelanos. Aí eu vantagem, acho que vou fazer isso por aqui, vai que dá certo!

Alemanha – As casas alemãs ficam decoradas com porquinhos de chocolate e marzipã (é um doce preparado a partir de uma pasta feita de amêndoas moídas, açúcar e claras de ovos, a receita está aqui.) Por lá, os porcos são considerados animais que trazem sorte e fartura.

Brasil :p – Roupas brancas são usadas na noite de ano novo. Também é costume as pessoas irem para a praia e pularem sete ondinhas, fazendo um pedido a cada pulinho.

Colômbia – Nesse pai acontece algo como a malhação de judas no Brasil, só que no fim do ano.Um boneco de pano simbolizando alguém não muito popular sofre nas mãos de uma multidão na rua.

Escócia – O ano novo escocês se chama Hogmanay,  que é o nome de um biscoito de aveia  oferecido para as crianças nesse dia.

Camboja – Crianças e adolescentes lavam os pés dos pais e avós simbolizando respeito aos antepassados e recebendo bênçãos em troca.

Dinamarca – Lá é costume quebrar pratos na porta da casa dos seus amigos, na noite de ano novo.

Equador – Os equatorianos queimam fotos e imagens de coisas que não querem levar adiante no novo ano, em uma fogueira que simboliza o desapego. Gostei!

Mas ainda existem os lugares onde o ano novo é comemorado em outras datas. Em 2015, por exemplo, essas foram as datas para a virada:

na China: 19 de fevereiro; dia do Carneiro

em Israel: 13 de Setembro; Rosh Hashana

na Arábia Saudita: 15 de outubro

na India: 21 de março.

 E o ano novo virou o dia da mentira…

..Antigamente, na França, o ano novo era comemorado do dia 25 de março durando até o dia 1º de abril. Em 1564, o Papa Gregório XIII instituiu um novo calendário, transferindo a data para 1º de Janeiro, porém,  a população francesa ignorou a nova data e manteve a data original. Com o passar do tempo, o novo calendário tornou-se oficial e as pessoas pregavam peças naqueles que ainda se apegavam a data antiga (chamando para festas que não existiam, dando presentes estranhos…), chamando os de “bobos de Abril”.

Esse costume foi, em seguida, para Inglaterra e, depois, se espalhou para o resto do mundo, sendo conhecido como o dia da mentira. Hum, muito interessante, agora sei porque existe o dia da mentira!

Eu lhe agradeço pela sua cia em mais este ano de blog e te desejo do fundo do meu coração muita paz, amor, saúde e felicidades. Além de um ano novo à moda Venezuelana recheado de muitas viagens! E não é mentira! kkk

Se tiver algum assunto que você quer que eu aborde em 2016, me deixe saber nos comentários abaixo.

BITOCAS COM MUITO GLITTER e um FELIZ 2016!

♥ ME ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS:
♥ Youtube: https://www.youtube.com/c/BlushViajante/playlists
♥ Snapchat: BlushViajante
♥ Instagram: https://instagram.com/blushviajante/
♥ Meu Facebook:https://www.facebook.com/BlushViajante
♥ Google+: https://plus.google.com/+BlushViajante
♥ Siga me no twitter: https://twitter.com/IVEDOURADO

Newsletter

Fique por dentro das novidades do blog! Assine abaixo e receba as atualizações direto no seu e-mail!

Blush Viajante - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2018