O que eu acho das olimpíadas 2016

01 . julho . 2016

Sim, trabalho com turismo, mas sim sou contra as olimpíadas!

Não sou contra ao evento propriamente dito, pois esporte é bom, mas sou contra ao investimento aplicado em um momento inoportuno. E não digo inoportuno, porque estamos em crise, mas porque a crise estava na vida da maioria dos brasileiros quando o país fez a sua candidatura, e a fez, sem ao menos pesar o que nós de fato precisávamos. Tudo para este evento está sendo feito, honrado, e eu te pergunto: – Como? Com que dinheiro? Os servidores estão sem salário, temos pessoas que moram em condições sem saneamento, os próprios atletas vão nadar em uma baía de lama e merda, e por aí vai…

Até mesmo para desenvolver o turismo essas olimpíadas vão ser prejudiciais a nossa imagem. Um evento deste nível, projeta o país e a cidade a um aumento de turistas e de visibilidade gigantes nos períodos pré, durante e pós evento, mas corremos um sério risco desse “tiro” sair pela culatra e essa imagem ser totalmente negativa.

O que seria calamitoso, pois se o número de turistas pós evento continuar em queda, não poderemos, sequer, recuperar o investimento feito pelos nossos governantes (com o nosso dinheiro) nas instalações turísticas da cidade. Então a olimpíada será bem vinda ao nosso país, quando este, puder honrar os seus compromissos e fornecer dignidade a sua população. O que mais me entristece é ouvir a maioria de nós dizendo que odeia o Brasil e que não queria ter nascido aqui…

Se fosse eu uma governante, iria mil vezes preferir não ser reconhecida internacionalmente como o país que teve o Rio de Janeiro como a cidade sede das olimpíadas de 2016, mas ter o reconhecimento e o orgulho de cada brasileiro, ao dizer que o seu país é digno da sua moradia.

Só me resta agora desejar sorte para nós e seja o que Deus quiser!

Descubra as melhores praias de Búzios para você!

07 . janeiro . 2016

Hey pessoal!

Tudo bem?

Como está sendo esta 1ª semana do ano? Hoje trago à vocês uma dica de viagem para este verão…

“Se você quer descansar, curtir a natureza, ou até mesmo ir para o agito, Búzios é o lugar ideal! A cidade fica na Região dos Lagos (RJ), e é cercada pelo mar por quase todos os lados, o que proporciona para os turistas e para a população local mais de 20 praias, uma mais bela do que a outra.

Foi por isso, que fizemos questão de eleger as melhores praias de Búzios para você. Não foi uma tarefa fácil escolher essas praias, mas fizemos uma lista que com certeza, vai agradar a você e a toda a sua família.

Leia até o fim e tenha a chance de garantir excelentes férias!

#1. Praia do Geribá

Com toda a certeza, é a praia mais badalada da cidade. Geribá fica na entrada de Búzios e é muito frequentada pela galera mais jovem, que vai atrás de paquera e esportes radicais como surf, body board, dentre outros.

Possui larga e extensa faixa de areia branca e águas claras. Destaque para as pedras em sua lateral. É possível caminhar sobre elas e desfrutar de uma vista incrível.

No canto esquerdo da praia, o mar é mais calmo, o que permite mergulhos acompanhados de crianças. Ainda nesse canto, possui uma trilha, que leva para a praia da Ferradurinha. Vale a pena conhecer!

#2. Praia de João Fernandes

Outra praia bastante badalada, a preferida de turistas argentinos. Nela, além de encontrar restaurantes maravilhosos, você também pode desfrutar das águas cristalinas e profundas e curtir uma visão fantástica.

Se estiver a procura de um passeio diferente, também é possível alugar caiaques para a prática do esporte.

#3. Praia Azeda e Azedinha

A praia Azeda é uma praia de águas calmas e cristalinas. Foi eleita uma das praias mais bonitas do Brasil. Para chegar até ela você precisa passar por uma rua de paralelepípedos e uma escadaria de madeira que sai da praia dos Ossos.

Para ir até a pequena praia da Azedinha, é preciso pegar um caminhozinho de pedra que sai do lado direito da praia da Azeda.

Essa praia, cercada por rochas gigantescas, é uma área de proteção ambiental. Por este motivo é que foram tirados todos os quiosques e bares do local. Mas existem barcos improvisados que vendem bebidas e também alugam cadeiras e guarda-sóis.

Outra maneira linda e também divertida de se chegar até a Azeda é através de um aqua-táxi, que você pega na praia dos Ossos. Vale a pena o passeio!

#4. Praia da Tartaruga

Também é uma das queridinhas dos turistas. Ela possui mais ou menos 1 km de extensão e é dividida por uma rocha no meio. Na parte esquerda da praia, você encontra barraquinhas com mesas, cadeiras e, claro, guarda-sóis.

No centro da Praia está o conhecido restaurante Tartaruga e, do outro lado da rocha, você encontra faixas de areia com pedras submersas, o que formam um recife de corais, transformando o lugar em um dos mais bonitos locais da região para a prática do snorkelling (mergulho com snorkel).

Bônus: Praia Brava

Agora a surpresa para você. Principalmente se você é amante da natureza: a praia Brava. Não é uma praia muito badalada por turistas, mas é o point favorito dos surfistas, já que nesse ponto o mar é aberto, o que proporciona ondas maiores, que além de serem ótimas para a prática do surf, são ótimas para pegar jacaré.

Seu nome é devido à força com que a água quebra no mar. É cercada por paredões rochosos e uma vegetação rasteira – o que proporciona uma beleza exuberante para amantes da natureza.

Essas são, sem dúvidas, as melhores praias de Búzios, podem proporcionar momentos únicos para você, família e amigos. Não deixe de visitá-las.

Existe algo a mais que você gostaria de saber sobre Búzios? Deixe um comentário!”

Uma bitoca!

Ive.

Por Maycon Gabry – http://blog.bucaneiro.com.br/

Teremos um trem entre o Rio de Janeiro e Minas Gerais!

03 . novembro . 2015

Hey pessoal!

Quem já conversou  comigo, sabe o quanto eu lamento o fato de nossas ferrovias terem sido abandonadas e algumas extintas, mas hoje, li uma notícia que me deixou mega feliz!

Representantes políticos, empresários, voluntários e autoridades de diversos setores dos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais se uniram para criar o primeiro trem turístico interestadual do Brasil. Prevista para começar a circular no primeiro semestre do ano que vem e já batizada de Expresso Trem da Terra, a composição terá duas locomotivas, quatro vagões e dois carros-restaurantes.

Os equipamentos, da década de 1970, oriundos da Fábrica Santa Matilde, estão sem utilidade e foram cedidos pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Eles serão recuperados em parceria com a iniciativa privada.

Um dos vagões do famoso Trem de Prata que passa por reforma, graças à parceria entre a Oscip Trem Amigo e empresários. Vagões de luxo estavam inoperantes desde 1998

Foto: Divulgação / ONG Amigos do Trem

“Já protocolamos o projeto técnico operacional no Ministério dos Transportes e na Ferrovia Centro-Atlântica (operada pelo VLI – Valor de Logística Integrada, do Grupo Vale)”, diz o presidente da Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) Amigos do Trem, Paulo Henrique Nascimento, idealizador do projeto.

Reuniões estão ocorrendo entre os prefeitos de oito cidades dos dois estados, empresários, a Inventariança da Rede Ferroviáira Federal, líderes dos governos estaduais, Associação Brasileira de Preservação Ferroviária\Porto Novo, Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e DNIT, para agilizar o processo.

Paulo Henrique, Weder Silva e Carlos Guimarães , da Amigos do Trem, na locomotiva a ser reformada

Foto: Divulgação / ONG Amigos do Trem

De acordo com Paulo Henrique, o Trem da Terra deverá circular entre as cidades de Sapucaia e Três Rios, no Centro Sul Fluminense, Cataguases, Recreio, Leopoldina, Chiador, Além Paraíba e Volta Grande, em Minas. O trecho tem 187 quilômetros de malha ferroviária explorada pela VLI, que, porém, desde 31 de julho está inoperante, com o fim dos carregamentos de bauxita (um tipo de pedra) que eram feitos pela concessionária.

Estudos apontam que por viagem serão transportados até 240 passageiros (60 em cada vagão). O preço do passeio, que vai durar cinco horas, inicialmente só nos finais de semana, custará entre R$ 40 e R$ 50 por pessoa. “Negociações com empresas vão propiciar a recuperação de cada vagão por cerca de R$ 50 mil”, adianta Paulo Henrique. Em nível governamental, cada vagão reformado sairia entre R$ 800 mil e R$ 1 milhão.

“Estamos consolidando, juntos, sem vaidades, um grande projeto, que, além de interligar cidades dos dois estados, contribuirá para alavancar o turismo, o desenvolvimento econômico e social, e a preservação do patrimônio público ferroviário”, resume o prefeito de Três Rios, Vinicius Farah.

Vagões-restaurantes e de passageiros do luxuoso Trem de Prata, que está sendo reformado numa oficina em Juiz de Fora, Minas Gerais

Foto: Divulgação / ONG Amigos do Trem

Orgãos reguladores terão que autorizar transporte de turistas

Em nota, a Ferrovia Centro-Atlântica informou, através do gerente de Relações Institucionais da VLI, José Osvaldo Cruz, que está acompanhando os estudos para as criação do Trem da Terra.

A concessionária, entretanto, alegou que possui concessão “exclusivamente para o transporte ferroviário de cargas no ramal”. O documento, porém, destaca os esforços da empresa.

“Visando auxiliar os autores da iniciativa, a concessionária repassou orientações sobre projeto especifico para tal transporte (de passageiros) e obtenção das autorizações legais junto aos órgãos reguladores do sistema”, diz um trecho da nota.

Durante as cinco horas de passeio, os turistas poderão curtir paisagens, cachoeiras, fazendas, casarios históricos, hidrelétricas, lagos e a tranquilidade característica das regiões Centro Sul fluminense e Zona da Mata mineira.

Trem terá feira móvel e vai gerar uns 500 empregos

O Expresso Trem da Terra, segundo a Oscip Amigos do Trem, vai gerar 500 empregos diretos e indiretos. “São pessoas que vão trabalhar no trem, na sua manutenção, nas estações de embarque e desembarque, e nas lojas de artesanatos.

O projeto fortalecerá também a agricultura familiar e chamada Economia Solidária. Homens e mulheres do campo terão nos restaurantes do trem, uma feira móvel, com artesanatos e produtos da culinária dos dois estados em estandes”, adianta Paulo Henrique Nascimento.

“Considerando o contexto de declínio social e econômico das últimas décadas na região, o Trem da Terra ajudará a recompor o cenário econômico”, diz, otimista, o prefeito Fernando Donzeles, de Além Paraíba (MG), lembrando que as estações serão transformadas em pontos de comércio e atrações culturais.

Mais dois ramais para turismo serão reativados no Estado do Rio

Trens necessitando de reformas para entrar em operação não faltam. Segundo a Oscip Amigos do Trem, há centenas espalhados no País. “A União nunca esteve tão intereressada na reativação deles, por isso temos insistido em parcerias”, ressalta Paulo Henrique.

Graças à parcerias, uma luxuosa Litorina (vagão com motor próprio), fabricada nos Estados Unidos há 57 anos, foi reformada e entrará em operação no final do ano em Miguel Pereira, no Sul fluminense.

Outra composição, o famoso Trem de Prata, que, por 40 anos ligou São Paulo ao Rio e parou em 1998, também está sendo reformada. Os vagõe têm poltronas individuais e cabines-dormitórios, como um hotel.

O governador Luiz Fernando do Pezão autorizou estudos para a utilização do Trem de Prata na possível reativação de mais dois circuitos para lazer lazer, ligando Miguel Pereira, Vassouras, Paty do Alferes e Paraíba do Sul, e entre Lídice ( Rio Claro) e Angra dos Reis.

Fonte: Jornal O Dia.

Gente, é para comemorar e muito! Vai diminuir este monopólio das cias. aéreas, ou seja, o valor das passagens poderá cair. Vai agilizar os trechos hora feito de ônibus e torná-los mais confortáveis ao fazer de trem, onde poderemos circular, esticar as pernas, comer, e ainda, fazer compras!

Muito feliz!

Pão de Açúcar oferece desconto nos ingressos aos cariocas

17 . outubro . 2015

Hey pessoal!

Tudo bem?

Tá aí, uma ótima dica de passeio para este fim de semana!

A ligação por bondinhos aos morros do Pão de Açúcar completa 103 anos e a empresa que administra o ponto turístico oferece ao público um desconto aos cariocas (moradores e cidadãos naturais da cidade do Rio de Janeiro e Grande Rio). Até o dia 30 de outubro está valendo a promoção Carioca Maravilha, que diminui o ingresso em R$ 21,00, passando de R$ 70,00 para R$ 50,00. Já as crianças pagam R$ 25,00.

Um dos símbolos do Rio, o Pão de Açúcar já recebeu visitantes ilustres como o cientista Albert Einstein, o ex-presidente dos EUA John Kennedy, e o cantor inglês Elton John. O local também serviu de cenário para o filme 007 Contra o Foguete da Morte, em que o agente britânico, vivido por Roger Moore briga com o vilão de dentes de aço, interpretado por Richard Kiel.

A empresa Companhia Caminho Aéreo Pão de Açúcar foi fundada, em 1909, pelo engenheiro brasileiro Augusto Ferreira Ramos. A inauguração da linha foi 27 de outubro de 1912. Em seu centenário, o transporte por teleférico comemorou a marca de 37 milhões de visitantes.

Fonte: Veja Rio

Newsletter

Fique por dentro das novidades do blog! Assine abaixo e receba as atualizações direto no seu e-mail!

Blush Viajante - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017